Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Noites de Verão

Noites de Verão

12
Mar20

O Medo de ser Mãe


Paula Custódio Reis

pais-toxicos.jpg

 

Quando era miúda pequena e me zangava com a minha mãe ameaçava: «qualquer dia fujo para a Serra!». As respostas eram «Experimenta!» ou então um desinteressado «Foge…».
A ameaça da primeira dava-me medo da minha mãe, a segunda, medo da Serra.
Perante um estado de Pandemia, obviamente, tendemos a ficar receosos e alerta. Mas daí até espalhar boatos de infetados e internamentos de gente próxima… Mandaria o bom senso que contivéssemos esta vontade de ser o centro de atenções, detentores das novidades em primeiríssima mão.
Nos nossos dias é muito mais importante o eu do que o coletivo, ignorando completamente a necessidade que cada um de nós tem do coletivo para poder sobreviver. A corrida a bens de primeira necessidade, de material de proteção como luvas e máscaras e o «achismo» de que tendemos todos a encher-nos só atrapalha as condições de trabalho daqueles que efetivamente podem e devem fazer algo, que são os profissionais de saúde.
Um profissional de saúde infetado não deixa de ser um foco de contaminação. Por isso, se calhar, era melhor fazer contrição dos nossos atos e entregar nos serviços de saúde o material que adquirimos em excesso.
Quanto ao isolamento de que todos nós nos arvoramos como detentores legítimos e imediatos, pensem primeiro na falta que o vosso desempenho profissional faz, para que este sistema a que chamamos sociedade, continue a funcionar. Se eu não for trabalhar, por exemplo, haverá pessoas que não poderão requerer os seus direitos sociais, perderão os seus rendimentos e não conseguirão fazer face às despesas básicas de todos os dias…

Se tenho medo? Claro. Quem é o Pai que o não tem?
Porque é que disfarço? Porque na sua infinita sabedoria de mãe, a minha me ensinou que se tivesse mostrado medo às minhas ameaças, provavelmente eu me teria metido a caminho de uma qualquer aventura, com desfecho imprevisível, como são todas as aventuras infantis.
O papel principal dos educadores é dar o exemplo e, isso sim, também deve estar nos nossos pensamentos nos dias que correm.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D